BolsonaroEmpresasFinanceiroO negócioSuperinteressanteTimóteoVale do Aço - MG

Confiança dos empresários de serviços recua 0,4 ponto,diz FGV

O Índice de Confiança de Serviços, medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), caiu 0,4 ponto na passagem de setembro para outubro e chegou a 93,6 pontos, em uma escala de zero a 200 pontos.

O Índice de Confiança de Serviços, medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), caiu 0,4 ponto na passagem de setembro para outubro e chegou a 93,6 pontos, em uma escala de zero a 200 pontos. A queda veio depois da alta de 1,7 ponto no mês anterior.

A queda da confiança atingiu empresários de oito das 13 principais atividades pesquisadas pela FGV.

O recuo do indicador foi provocado pela queda da confiança no futuro, medida pelo Índice de Expectativas (IE-S), que caiu 3,6 pontos em outubro e chegou a 94,6 pontos, menor nível desde maio deste ano (92).

Já o Índice de Situação Atual, que mede a confiança no momento presente, subiu 2,8 pontos, para 92,7 pontos.

O Nível de Utilização da Capacidade Instalada do setor de serviços avançou 1,3 ponto percentual em outubro, para 82%, e interrompeu a sequência de queda dos três meses anteriores.

 

Edição: Valéria Aguiar

DÊ SUA OPINIÃO SOBRE A QUALIDADE DO CONTEÚDO QUE VOCÊ ACESSOU.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o “Fale com a Ouvidoria” da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

 Denúncia  Reclamação  Elogio  Sugestão  Solicitação  Simplifique

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios